Filho do Comunista Herzog “exige” que Chanceler Ernesto Araújo renuncie.

 

Os mortos valem mais que os vivos, para a esquerda

Vladimir Herzog, tem sido usado (assim como a Marielle foi recentemente, até descobrirem que o assassino não era o “desejado” pela esquerda) por anos, como bandeira contra o regime militar. Trata-se do coitadismo comunista elevado ao cubo.

Na década de 70 era mais ou menos assim: “nós comunistas vamos assassinar e torturar militares, explodir bombas em aeroportos, mutilar civis inocentes, roubar bancos, MAS, se um de nós morrer, iremos rolar no chão e chorar como inocentes vítimas angelicais…”. Nada mudou de lá para cá.

 

Esquerda x Direita x Conservadorismo x Liberalismo Social

Agora, o novo capítulo da novela é a questão do nazismo ser ou não de esquerda. E SIM, O NAZISMO FOI DE ESQUERDA. A começar pelo nome: Partido Nacional SOCIALISTA Alemão, algo que vem sendo denunciado por muitos estudiosos do mundo todo.

O que os demagogos de esquerda fazem é se aproveitar da ignorância do povo quanto aos conceitos “esquerda x direita (econômico)” e “liberalismo social x conservadorismo de costumes (comportamento)”. O Nazismo era sim DE ESQUERDA (forte intervenção na economia, contra o livre mercado), porém CONSERVADOR em termos de costumes. Assim como a maioria dos governos islâmicos atuais são: socialistas (economia) E conservadores (costumes).

Mas se trata de algo comum aos esquerdistas: tudo o que é ruim é Direita, e tudo o que é bom é esquerda. Há até mesmo alguns imbecis que chegam a dizer que Stalin era “de Direita”, tamanha a canalhice intelectual.

Mas, bastou o chancelar citar o óbvio, e agora o filho de Herzog, que ninguém nem sabia quem era, ganhou os holofotes da mídia. Não se duvide, mas é possível que tenhamos uma “nova Marielle” no pedaço, já que “aquela” outra “Marielle” não serve mais para atacar o governo atual. Então, os comunas atacarão com base em defuntos de décadas atrás. 

 

Desmemoriados

Apenas se esquecem de citar dos milhões que os esquerdistas mataram (e matam) mundo afora.

Apenas se esquecem de citar que Herzog era membro do Partido Comunista Brasileiro. Que tentava implantar um regime como o de Cuba no Brasil.

Apenas se esquecem que os esquerdistas assassinaram e torturaram jovens militares. Que mutilaram civis inocentes ao explodir bombas. Que roubaram bancos. Que sequestraram.

Os anos 60/70 foram anos de guerra. Mas os comunas sempre venderam a estória de que apenas nossos militares atiraram e eles, os comunas angelicais, nada fizeram.

A mentira até dura. Mas não perdura.

 

 

 


 

IRAN PORÃ MOREIRA NECHO (15/11/1970), é advogado formado na Universidade Mackenzie, com extensão em Samford-EUA, atuou como advogado interventor em Liquidações Extrajudiciais pelo Banco Central, foi membro do Tribunal de Ética do OAB/SP (acusação), foi membro do  Comissão de Defesa do Consumidor da OAB/SP, sócio no escritório de advocacia Moreira Necho e Santos Couto Advogados, presidente do IBRIM – Instituto Brasileiro Imobiliário e fundador do Movimento Direita Livre, em 2013.

 


 

CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK: